Todo dia o sol levanta
E a gente canta
Ao sol de todo dia

Canto do povo de um lugar – Caetano Veloso

Hoje é um novo dia, e doída ou não a vida segue em frente. Temos que assimilar dores, deixá-las doer no fundo, e ir acostumando com aquele latejamento, até que ele vai cessando e a dor se transforma apenas numa saudade muito forte. Esse é o dia que se descortina, com o qual precisamos nos confrontar e, mesmo com toda a dor que se sente no peito, seguir caminhando.

Ao menos, nos consola saber que há pessoas que gostam da gente e que estão ao nosso lado pra ajudar a superar essas dores tão fundas que surgem no caminho. E, dia após dia, temos de seguir adiante. Sempre…

Anúncios