Vai sempre ter alguém
Com mais dinheiro, mais respeito
Mais ou menos tudo o que se pode ter
Vai sempre sobrar, faltar
Alguma coisa, somos imperfeitos
E o que falta cega p’ro que já se tem
Eu não te completo
E você não me basta
Mas é lindo o gesto de se oferecer
O que eu quero nem sempre eu preciso
Mas dê um sorriso quando me entender
Seja você
Seja só você

Seja Você – Paralamas do Sucesso

É assim mesmo, sempre tem gente com mais, muito mais do que você, em tudo. E também sempre tem gente com menos, muito menos. Cabe a nós decidir se vamos seguir em frente curtindo a nossa vida, as nossas coisas, o nosso momento ou sempre ficar olhando pra grama mais verdinha do vizinho.

Eu já sofri nessa vida almejando ser e ter coisas que não tinham nada a ver comigo, e custou muito, muito aprender a valorizar a mim mesma. Acho que dos meus 31 anos, uns bons 25 eu passei sempre querendo algo diferente de mim, e por mais que eu corresse atrás de conseguir as coisas, parecia que nunca estava satisfeita com o que eu tinha e com o que eu era. Aí uma hora eu parei e me perguntei: mas pra quê?

E ó, sou totalmente anti ficar fazendo a Pollyanna, porque é claro que a gente tem que correr atrás dos nossos sonhos, de melhorar, de seguir em frente, mas o importante mesmo é desfrutar de cada momento, porque ele é seu e depois que passar, não há como voltar atrás e refazer. Sua vida às vezes é tão legal, só que você tá míope e não tá percebendo, por isso, apure a sua visão e curta seu momento. =)

Anúncios