Eu quero a sorte de um amor tranquilo
Com sabor de fruta mordida
Nós, na batida, no embalo da rede
Matando a sede na saliva
Ser teu pão, ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum trocado pra dar garantia

Todo amor que houver nessa vida – Cazuza


Porque eu só tenho de agradecer ao momento em que o Thi entrou na minha vida, porque acima de tudo ele é meu parceiro. Defeitos eu e ele temos (e não são poucos), mas viver juntos é saber enxergar que as qualidades sempre são mais fortes do que qualquer defeito. E ele está sempre disposto a fazer qualquer coisa pra me fazer feliz.

Ele me manda flores no aniversário de casamento, reveza comigo as noites em claro pra cuidar das meninas, dorme no colchão quando eu tô com dor nas costas pra poder me esparramar pela cama, desce pra buscar as compras quando eu chego do mercado etc. etc. etc.

E por mais que as meninas tenham dado muito trabalho nas últimas duas semanas, se revezando no papel da doente do momento, tudo fica mais fácil de aguentar já que tenho o Thi do meu lado. E cada um desses pequenos atos é que vão fazendo um todo de uma vida que é feliz na maior parte do tempo. :)

Anúncios